Istambul possui um sistema de transporte público bem completo que alcança quase todas as regiões da cidade. Esse sistema é composto por vários tipos de modais, entre eles ônibus, trem, tram, metrô, funicular e barcos. Muitas atrações turísticas são próximas umas das outras, mas dependendo de onde você estiver hospedado, ou de onde deseja ir, certamente vai precisar utilizar algum tipo de transporte pelo menos uma vez. Veja neste post mais detalhes sobre as alternativas de locomoção na cidade.

Tram de Istambul - Turquia

Tram

Veja também:
Roteiro de 4 dias em Istambul
Dicas de compras em Istambul: bazares, shoppings e outlets
Dicas de restaurantes em Istambul

 
De início, o transporte público de Istambul pode parecer muito confuso, mas a área turística envolve apenas um pequeno pedaço do sistema, por isso não é tão difícil de utiliza-lo. O único problema é que os modais não são integrados, ou seja, para trocar do metrô para o tram, ou do tram para o funicular, você precisa pagar uma nova passagem. Cada passagem avulsa (chamade de token) custa 3 TL (aprox R$3,55). Com o cartão Istanbulkart é possível obter um desconto nas passagens, pagando 1,95 TL . Os trams, metrôs e funiculares operam geralmente das 6:00h à meia-noite.

Veja o mapa completo do transporte público de Istambul, ou uma versão simplificada com as estações mais usadas pelos turistas.

 

Tram

O tram é um bonde elétrico que se move sobre trilhos em vias públicas ou próprias para ele. É  um dos principais meios de transporte para os turistas que visitam Istambul, pois uma de suas linhas, a T1, passa por várias atrações da cidade, como:

Grande Bazar – estação Beyazıt
Mesquita Azul, Basílica de Santa Sofia e Cisternas da Basílica – estação Sultanahmet
Museu Arqueológico e Palácio Topkapi – estação Gülhane
Ponte de Gálata, Bazar Egípcio e barcos para o Bósforo – estação Eminönü
Palácio Dolmabahce e funicular para Taksim – estação Kabataş 

A estação Kabataş é a última da linha e faz a conexão com o trem funicular que sobe até a praça Taksim, onde é possível pegar a linha de metrô M2. Já a estação Zeytinburnu faz conexão do tram com o metrô que vai até o Aeroporto Internacional de Istambul Ataturk (estação Havalimani da linha M1)

Tram em  Sultanahmet - Istambul, Turquia

Estação do tram em Sultanahmet

Linha de trem próxima à Mesquita Nova - Istambul, Turquia

Linha de tram próxima à Mesquita Nova

 

Os trams não são tão grandes ou espaçosos com o um vagão de metrô e costumam ficar entupidos de gente, principalmente nos horários de pico, quando a população está indo para o trabalho ou voltando para casa. Se estiver chovendo eles ficam cheios o dia inteiro, já que ninguém quer andar na chuva. Se o vagão está lotado, a viagem pode se tornar uma tortura e uma aventura. Quando as portas se abrem na estação, as pessoas entram e saem ao mesmo tempo, não há nenhum respeito e todo mundo se empurra como se fosse tudo muito normal. Chega a ser até engraçado. O ruim é quando você está espremido dentro do tram e sente aquele cheiro ruim de desodorante vencido. Parece que os turcos não gostam muito de tomar banho. Você pode ter certeza que em algum momento da sua viagem à Turquia irá sentir esse cheiro ruim.

Tram lotado em Istambul - Turquia

Tram lotado

Interior do tram - Istambul, Turquia

Lotado

 

Ao longo da avenida Istiklal, no bairro Beyoglu, também há uma linha de tram, porém este é diferente dos outros, pois é do modelo antigo. Ele liga a praça Taksim à praça Tünel, percorendo toda a extensão da avenida, que tem aproximadamente 1,5km. Há apenas uma parada no caminho, na metade da Istiklal. Este tram nostálgico é uma verdadeira atração turística, pois sua linha é sobre um calçadão muito movimentado. Conforme ele vai passando, o operador vai tocando um sino para tirar os pedestres do caminho. A passagem deste tram é mais barata, custa apenas 1 TL (R$1,20).

Tram na praça Taksim - Istambul, Turquia

Tram antigo na praça Taksim

 

Funicular

O funicular é um trem que se desloca em diagonal. Ele liga a parte baixa da cidade à parte alta. Há dois funiculares em Istambul. Um deles é bem antigo e liga a Ponte de Gálata à Praça Tünel, próximo à Torre de Gálata e à avenida Istiklal. O outro funicular é bem recente e mais moderno, parece um metrô. Ele liga a estação Kabataş, a última do tram na parte baixa da cidade, à estação Taksim, na parte alta da cidade, onde passa a linha de metrô M2.

Na minha viagem à Istambul utilizei este funicular praticamente todos os dias, pois meu hotel era próximo à Praça Taksim. Para eu visitar as atrações do centro histórico de Sultanahmet, eu tinha que descer no funicular de Taksim até a estação de Kabataş, para então pegar tram até Sultanahmet. Quem está hospedado no centro histórico e quer passear pela av Istiklal, que se inicia na praça Taksim, tem a opção de fazer o sentido inverso, pegando o tram até Kabataş e subindo o funicular até Taksim, ou então atravessar a Ponte de Gálata a pé e subir a ladeira caminhando até chegar na parte final da Istiklal. 

Estação Taksim do Funicular de Istambul - Turquia

Estação Taksim do Funicular

Funicular Taksim-Kabatas - Istambul, Turquia

Funicular Taksim-Kabatas

 

No chão da estação Taksim há adesivos que indicam a entrada do funicular e da linha de metrô M2, para evitar que você entre na plataforma errada.

Adesivos de sinalização na estação Taksim

Adesivos de sinalização na estação Taksim

 

Metrô

Istambul possui algumas linhas de metrô que levam a partes mais distantes da cidade. Há linhas subterrâneas e também metrôs de superfície (LRT – Light Rail Transit). Uma das linhas de LRT, a M1, tem início no Aeroporto de Istambul Ataturk, onde está a estação Havalimani, que significa aeroporto. Partindo do aeroporto de metrô é possível chegar nos distritos de Sultanahmet ou Beyoglu fazendo uma conexão com a linha de tram T4 na estação Zeytinburnu.  Utilizei o metrô em Istambul apenas um dia, para ir ao Shopping Cevahir (estação Şişli – M2), partindo da estação Taksim.

Estação de metrô em Istambul

Estação de metrô

 

Jetons e o cartão Istanbulkart

Uma passagem avulsa para acessar o tram, funicular ou metrô é chamada de jeton e custa 3 liras turcas (R$3,55). O jeton é uma fichinha amarela bem pequena de plástico que parece ser de brinquedo. Há várias máquinas automáticas disponíveis nas entradas das estações que vendem esta ficha. As máquinas aceitam moedas e notas baixas, por isso é bom sempre ter um dinheiro trocado na hora de comprar a passagem.

Se você precisar usar dois meios de transporte na mesma viagem, como, por exemplo, tram e funicular, terá que comprar dois jetons, pois para trocar de modal é necessário pagar uma passagem nova, já que terá que sair da estação do tram e entrar na estação do funicular.

Há uma forma de pagar um valor mais baixo nas passagens avulsas ou de conexão utilizando o Istanbulkart. Com este cartão pré-pago a primeira passagem custa 1,95 TL (R$2,30) e se você precisar fazer uma conexão para outro tipo de transporte, a segunda passagem terá desconto e sairá por 1,35 TL (R$1,60). Sendo assim, pegando o exemplo anterior, ao invés de pagar 6 TL por uma viagem utilizando jetons, ela custará 3,30 TL se você tiver o Istanbulkart.

O cartão tem um custo fixo de 7 TL e é vendido em quiosques próximos a algumas estações. Comprei o meu Istanbulkart numa barraca que vendia doces e bebidas na Praça Taksim, próxima à entrada da estação. No mesmo local já aproveitei para carregar meu cartão. Dei uma nota de 20 TL, sendo 7 TL pelo custo do cartão + 13 TL de saldo no cartão. Depois para recarregar novamente o cartão, basta utilizar as máquinas automáticas que se encontram nas estações. As máquinas possuem avisos em inglês ensinando como se faz a recarga. Não é difícil, mas em caso de dúvida, observe alguém fazer ou peça ajuda.

Para utilizar o cartão, basta aproxima-lo de um sensor existente nas catracas das estações para liberar a entrada. Um pequeno visor em cima da catraca irá informar quanto custou aquela entrada e quanto há de saldo disponível no cartão. Duas pessoas podem compartilhar o mesmo cartão, passando-o duas vezes seguidas na mesma catraca.

Se você vai utilizar o transporte público apenas uma ou duas vezes, não compensa comprar o cartão Istanbulkart. Para saber se ele será útil, faça um cálculo de quantos trajetos pretende percorrer e quanto gastaria sem e com o cartão, lembro que ele tem um custo fixo de 7 liras turcas que não é revertido em créditos.

Cartão Istanbulkart - Istambul, Turquia

Cartão Istanbulkart

Quiosque para comprar o cartão Istanbulkart -  Istambul, Turquia

Quiosque para comprar o cartão

Máquina para recarregar cartão Istanbulkart -  Istambul, Turquia

Máquina para recarregar o cartão

 

Táxi

Uma forma mais confortável, porém mais cara, de se locomover em Istambul é utilizando a grande frota de táxis da cidade. Mas há dois problemas: você pode ficar preso num congestionamento insuportável, já que o trânsito da cidade é caótico em determinadas vias; ou então ter o azar de pegar um taxista sacana que pode tentar dar algum tipo de golpe, como circular com o taxímetro desligado ou fazer um caminho muito maior que o necessário. Eu peguei táxi duas vezes na cidade e dei a sorte de pegar bons motoristas.

Ao pegar um táxi em Istambul, sempre peça o taxímetro ligado e leve o endereço de destino anotado num papel, para evitar que ele entenda errado e te leve para outro lugar. O site TaksiMetrik permite fazer um cálculo aproximado de quanto custa uma corrida de táxi entre dois pontos da cidade.

Táxis em Istambul - Turquia

Táxis em Istambul

 

Barcos

O transporte marítimo também é muito utilizado em Istambul e é a maneira mais rápida de se deslocar do lado europeu para o lado asiático. O Estreito de Bósforo, que divide a cidade ao meio, possui um fluxo intenso de barcos e ao longo dele há várias estações. A principal empresa que ofecere este serviço é a Sehir Hatlari, que além de transportar passageiros também tem passeios de barco pelo Bósforo para turistas.

Barco para cruzar o Bósforo - Istambul, Turquia

Barco para cruzar o Bósforo

 

 

Posts Relacionados:
Casas de Câmbio em Istambul e a moeda Lira Turca
Istambul: A Basílica de Santa Sofia e a Mesquita Azul
Istambul: As atrações do centro histórico Sultanahmet
Istambul: O Grande Bazar e o Bazar de Especiarias
Istambul: O Palácio Dolmabahce e o distrito de Beyoglu
Istambul: Um passeio de barco pelo Estreito de Bósforo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...