Urupema é um pequeno município localizado no alto da serra catarinense, a 200 km da capital Florianópolis. Nos últimos anos começou a ter grande destaque na mídia nacional por registrar com frequência as temperaturas mais baixas do país, por isso passou a ser chamada de a cidade mais fria do Brasil. Há poucos atrativos turísticos na cidade, por isso um dia é o suficiente para conhecê-la. Estive lá na minha última viagem à região e mostro neste post como foi o passeio.

SC-439 entre Rio Rufino e Urupema

SC-439 entre Rio Rufino e Urupema

 

Este artigo faz parte de uma série de posts sobre a Serra Catarinense
Clique aqui para acessar o índice com todos as dicas da região e de outras cidades de SC

 

Veja também:
Roteiro de 3 dias na Serra Catarinense
Roteiro de 5 dias nas praias de Florianópolis
Feriadão em Floripa: Roteiro de 3 dias
Roteiro de 4 dias em Balneário Camboriú
Roteiro de 3 dias em Gramado e Canela

 

Com cerca de 2.500 habitantes, Urupema é um município relativamente novo, fundado em 1989 após ter se emancipado de São Joaquim. Sua principal atividade econômica é a agricultura e a pecuária, porém nos últimos anos o turismo também tem ajudado a movimentar a economia local.

A cidade começou a chamar a atenção da mídia e dos turistas há pouco tempo, após a instalação uma estação meteorológica do Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina (CIRAM), há três anos, que passou a constatar com frequência que Urupema apresenta as temperaturas mais baixas do Brasil, inferiores a São Joaquim, que até então era considerada a cidade mais gelada do Brasil. Para divulgar a cidade e seus atrativos turísticos, a Prefeitura de Urupema criou o site cidademaisfriadobrasil.com.br.

Urupema está localizada numa altitude muito elevada, 1.425 metros acima do nível do mar, o que influencia no constante registro de temperaturas baixas. No inverno é comum encontrar temperaturas negativas e até neve. Quando visitei o centrinho de Urupema, no dia seguinte ao que nevou em mais de 85 cidades catarinenses, o termômetro da praça da cidade marcava 2 graus ao meio-dia.

O centrinho de Urupema é muito pequeno, com duas avenidas principais. Uma delas logo na chegada da cidade e a outra onde estão localizadas as prefeitura, a praça central e a igreja da cidade. Para os turistas há poucas opções de hospedagem e de alimentação, por isso pode não ser tão interessante ficar hospedado por la.

 

Se você pretende alugar um carro para visitar a Serra Catarinense, faça sua cotação e reserva pelo RentCars, o portal que garante o melhor preço na sua locação, faz cobrança em reais e sem taxa de IOF, permite parcelar em até 12x no cartão, dá 5% de desconto no boleto e oferece atendimento em português.

E para reservar o seu hotel na Serra Catarinense, veja as opções do Booking nas cidades de Urubici , Bom Jardim da Serra e São Joaquim.

 

Avenida na chegada de Urupema

Avenida na chegada de Urupema

Praça Central de Urupema / Santa Catarina

Praça Central

Relógio da Praça Central de Urupema - Santa Catarina

Relógio da praça marcando 2 graus

Prefeitura de Urupema / SC

Prefeitura

 

Há basicamente duas atrações turísticas principais em Urupema: o Morro das Antenas e a cascata que congela. Elas se encontram a 7 km antes de chegar no centrinho, para quem vem do município de Rio Rufino pela rodovia SC-439. Na margem da rodovia há placas que indicamo o caminho para essas duas atrações. Logo na entrada há uma bifurcação, com uma placa indicando o sentido do morro das antenas numa estrada à direita e da cascata à esquerda.

Acesso ao Morro das Antenas e Cachoeira que congela

Acesso ao Morro das Antenas e Cascata que congela

Estrada do Morro das Antenas - Urupema / Santa Catarina

Entrada para o Morro das Antenas

 

A primeira atração que visitei foi o Morro das Antenas. Foi preciso subir por cerca de 1 km numa estradinha de terra em péssimas condições. Havia nevado na noite anterior e o gelo estava derretendo naquela manhã, por isso a estrada estava enlamaçada e escorregadia, com risco de atolar o carro ou derrapar. Mesmo assim dezenas de turistas se aventuraram subindo a estradinha para visitar o topo do morro.

Estrada do Morro das Antenas - Urupema / Santa Catarina

Subindo o Morro das Antenas

 

O Morro das Antenas, também conhecido por Morro das Torres, está localizado a 1.750 metros de altitude e é um dos pontos mais altos do sul do Brasil. O termômetro do carro neste dia marcava 3 graus negativos, porém a sensação térmica era muito inferior, pois estava ventando muito. O cenário compensou a dificuldade de subir o morro. Como havia nevado muito na noite anterior, a vegetação estava branca e congelada. Até os fios de alta tensão e as antenas estavam com gelo acumulado.

Morro das Antenas - Urupema / Santa Catarina

Morro das Antenas

Morro das Antenas - Urupema / Santa Catarina

Vegetação congelada

Morro das Antenas - Urupema / Santa Catarina

Morro das Antenas

Morro das Antenas - Urupema / Santa Catarina

Cabos congelados

 

Após descer a estradinha, voltando à bifurcação inicial, foi a vez de visitar a cascata que congela, mas desta vez o carro ficou por ali mesmo e fomos a pé até a cascata, numa pequena descida com cerca de 200 metros. Até poderia ter descido de carro, mas a estrada também não estava em boas condições e seria difícil fazer o retorno, por isso foi mais prático ir a pé.

A cascata que congela é uma pequena cachoeira localizada aos pés do morro das antenas que costuma ter sua água congelada no inverno, com temperaturas muito baixas. Ela está dividida em dois níveis. O primeiro deles é visto por quem chega pela estradinha de terra. O outro é acessado por uma pequena trilha no lado esquerdo da cascata. Neste dia a parte superior, vista após subir a trilha, estava praticamente toda congelada.

Acesso à cachoeira que congela - Urupema / Santa Catarina

Acesso à cascata

Acesso à cachoeira que congela - Urupema / Santa Catarina

Cascata que congela

Cachoeira que congela - Urupema / Santa Catarina

Trilha de acesso à parte superior da cascata

Cachoeira que congela - Urupema / Santa Catarina

Parte superior da cascata que congela

 

Há dois caminhos diferentes para se chegar em Urupema. Quem está em São Joaquim precisa percorrer 78 km pelas rodovias SC-438 e SC-439, ambas asfaltadas ao longo de todo o percurso. Já quem está em Urubici precisa percorrer 55 km pela SC-439, passando pelo município de Rio Rufino na metade do caminho. Neste caso, o primeiro trecho, com cerca de 30 km, é feito em estrada de chão, o que pode ser bem demorado. Há uma outra alternativa mais longa e completamente asfaltada, via BR-282, que torna aumenta para 95 km a distância entre Urubici e Urupema.

Veja no mapa os caminhos possíveis e a localização das atrações de Urupema.


Visualizar Urupema em um mapa maior
 

Acesse o índice de posts com todas as dicas da Serra Catarinense

 

⇒ PARA SUA VIAGEM ⇐

+ Seguro Viagem
Para fazer uma viagem tranquila e segura, lembre-se de adquirir o seu seguro de viagem na SegurosPromo, que compara a cotação de algumas das principais operadoras de seguros do mercado, sempre com os melhores preços. Obtenha 5% de desconto na sua compra inserindo o código promocional MEUSROTEIROS5 no campo indicado da tela de pagamento. Você pode pagar o seu seguro em até 12x no cartão, mas se preferir pagar no boleto, ganha na hora mais 5% de desconto.

+ Hotéis
Confira as melhores ofertas de hotéis em FloripaUrubici, Bom Jardim da Serra ou São Joaquim no Booking, site parceiro do blog desde 2012.

+ Aluguel de Carro
Se você está pensando em alugar um carro, faça sua cotação e reserva pela RentCars, o portal que garante o melhor preço na sua locação, faz cobrança em reais e sem taxa de IOF, permite parcelar em até 12x no cartão, dá 5% de desconto no boleto e oferece atendimento em português.

 

Posts Relacionados:
Neve na Serra Catarinense: em busca dos flocos em Urubici e São Joaquim
Roteiro de 3 dias na Serra Catarinense
Um dia em Urubici, a cidade mais bonita da Serra Catarinense
Um dia em São Joaquim, a cidade mais fria do Brasil
Um Passeio em Bom Jardim da Serra, na Serra Catarinense
Roteiro de final de semana em Aparados da Serra para casais

 

⇒ REDES SOCIAIS ⇐

+ Siga o blog no Instagram @meusroteirosdeviagem e marque suas fotos com a hashtag #meusroteirosdeviagem

+ Curta e compartilhe os posts no Facebook seguindo a fan page do Meus Roteiros de Viagem