A cidade de Santiago possui alguns morros, que os chilenos chamam de “cerros”. Um deles é o Cerro Santa Lucía, a poucas quadras do centro da cidade, que possui um pequeno parque urbano, com praças, uma fonte e escadarias que levam a um mirante localizado no topo e que proporciona um belo visual panorâmico da região central da cidade, tendo como pano de fundo a Cordilheira dos Andes. Confira nesse post como foi a minha visita ao local.

Cerro Santa Lucía
Cerro Santa Lucía

 

Na parte da manhã já tinhamos visitado o Cerro San Cristóbal, um morro maior que o Santa Lucía e que possui um santuário no topo, cujas fotos podem ser encontradas no post ” Santiago – Cerro San Cristóbal e o Museu La Chascona “. Depois fomos para o centro da cidade (veja o post “Santiago – O Centro da Cidade: Mercado Central, Plaza de Armas, Catedral e Museus “) e ainda tivemos a oportunidade de entrar no Palacio de La Moneda, sede do governo chileno e cuja visita eu relatei no post “Santiago – Tour no Palacio de La Moneda, a sede do governo chileno “.

O Cerro Santa Lucía está localizado próximo à estação de metrô Santa Lucía – L1 e é rodeado por três vias: Avenida Libertador Bernardo O’Higgins, Rua Santa Lucia e Rua Victoria Subercaseaux. Chegamos até ele de metrô, partindo da estação La Moneda. Apesar de ser um trecho curto que poderia ter sido feito a pé, já estávamos cansados de ter andado o dia inteiro.

Saindo da estação de metrô já é possível avistar o Cerro. Atravessando uma grande praça chega-se ao portão principal, onde há duas policiais sentadas fiscalizando a entrada. Elas anotam o nome de todos os visitantes que entram no local, mas não chegam a pedir nenhum tipo de documento. A presença delas dá uma certa sensação de segurança ao local, que aparentemente poderia ser perigoso.Para conhecer o cerro é preciso subir uma série de escadas e rampas, com algumas paradas ao longo do caminho. Não sei a quantidade exata de degraus para se chegar até o topo, mas deve ser por volta de 200. É um pouco cansativo, principalmente se você já passou o dia inteiro caminhando, mas o visual lá do alto compensa qualquer esforço.

Praça na entrada do Cerro Santa Lucía
Praça na entrada do Cerro Santa Lucía

 

Portão principal do Cerro Santa Lucía
Portão principal do Cerro Santa Lucía

 

Escadas - Cerro Santa Lucía
Primeiro lance de escadas

 

Depois da primeira escadaria está a Terraza Neptuno, onde há uma grande fonte inspirada na Fontana de Trevi, de Roma, na Itália.

Terraza Neptuno - Cerro Santa Lucía
Terraza Neptuno – Cerro Santa Lucía

 

Terraza Neptuno - Cerro Santa Lucía

 

Está gostando das dicas?
Compartilhe-as com sues amigos nas redes sociais
utilizando os botões coloridos no canto esquerdo da tela

 

Subindo mais alguns lances de escada e algumas rampas, chegamos ao segundo nível, onde há uma grande praça, com diversos bancos para sentar, alguns monumentos e obras de arte, lojinhas e lanchonetes e mirantes que já proporcionam uma boa vista da região.

Praça no Cerro Santa Lucía
Praça no Cerro Santa Lucía

 

Estátuas de madeira no Cerro Santa Lucía
Estátuas de madeira no Cerro Santa Lucía

 

Cidade de Santiago vista da praça do Cerro Santa Lucía
Cidade de Santiago vista da praça do Cerro Santa Lucía

 

Cordilheira dos Andes vista da praça do Cerro Santa Lucía
Cordilheira dos Andes vista da praça do Cerro Santa Lucía

 

Está gostando das dicas?
Compartilhe-as com seus amigos nas redes sociais
utilizando os botões coloridos no canto esquerdo da tela

 

Depois da praça há mais uma grande quantidade escadas, que levam até o mirante no topo do Cerro Santa Lucía. Essa é a parte mais complicada do trajeto, pois as escadas são bem apertadas e passam no meio de grandes pedras. Os degraus são pequenos, alguns estão quebrados e a pedra é bem lisa, por isso é preciso tomar cuidado para não escorregar.Lá em cima está o Mirante do Cerro Santa Lucía, a 69 metros do chão e a 629 metros acima do nível do mar. O mirante é pequeno, não deve caber mais que 15 pessoas lá em cima. Os visitantes se esbarram para curtir o visual e conseguir bater fotos. É também um pouco perigoso, pois é muito alto e os muros de proteção são muito baixos. Apesar de ele não ser tão alto quanto os mirantes do Cerro San Cristóbal, possui uma vista diferente, mais próxima dos prédios e com o melhor angulo para bater fotos tendo como cenário de fundo a grandiosa Cordilheira dos Andes, que é muito mais alta do que eu poderia imaginar. Fiquei um pouco impressionado com a altura das montanhas.

As minhas fotos não ficaram com uma visibilidade tão boa por causa de um fenômeno conhecido como smog, mistura de smoke (fumaça) com fog (noveiro), ocasionado pela poluição atmosférica existente na região metropolitana de Santiago e que se agrava durante o inverno.

Mirante do Cerro Santa Lucía
Mirante do Cerro Santa Lucía

 

Cordilheira dos Andes vista do Mirante do Cerro Santa Lucía
Cordilheira dos Andes vista do Mirante do Cerro Santa Lucía

 

Cidade de Santiago vista do Mirante do Cerro Santa Lucía
Cidade de Santiago vista do Mirante do Cerro Santa Lucía

 

Smog sobre Santiago
Smogsobre Santiago

 

Lá do alto do mirante eu fiz esse video…

A visita ao Cerro Santa Lucía pode ser complementada com um passeio pelas rua do bairro Lastarria, onde acontece uma das mais famosas feirinhas de artesanato de rua de Santiago. Por ali também está o Museu de Artes Visuales e o Centro Cultural Gabriela Mistral. Minha visita a esta área da cidade ficou para uma próxima oportunidade, dessa vez não deu tempo.

Confira no mapa a localização do Cerro Santa Lucía e das principais atrações do centro da cidade.


Visualizar Centro de Santiago em um mapa maior


Posts Relacionados:

Roteiro de 3 dias em Santiago do Chile
Valle Nevado Ski Resort: a maior estação de esqui da América do Sul
Um Passeio em Valparaíso – Chile
Uma tarde em Viña del Mar – Chile
Dicas de Restaurantes em Santiago
Dicas de Compras em Santiago: shoppings, outlets e lojas de departamento
Vale a pena fazer passeios em Santiago com uma empresa de turismo local?
Os Táxis e e Metrô de Santiago: Preços e Mapa
Casas de Câmbio em Santiago e o Peso Chileno

 

Faça parte da comunidade “Meus Roteiros de Viagem”
Acompanhe o blog nas redes sociais FacebookTwitter e Google+
Siga o perfil @meusroteirosdeviagem no Instagram
e marque suas fotos com a hashtag #meusroteirosdeviagem

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...