O Aeroporto Internacional de Carrasco, em Montevidéu, é o principal aeroporto do Uruguai e um dos mais modernos e bonitos do mundo, com uma arquitetura futurista e estrutura de primeira. Com voos para diversas cidades do Brasil, serve como hub da companhia aérea Pluna e é um importante ponto de conexão para passageiros com destino a outras cidades do Mercosul. Neste post vou falar como foi minha passagem pelo aeroporto e mostrar todos os detalhes do terminal que é um sonho para qualquer brasileiro.

Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai
Aeroporto de Carrasco – Montevidéu, Uruguai – visão da pista

 


Veja também:
Alugando um carro em Montevidéu e dirigindo pelas estradas do Uruguai
Dicas de Compras em Montevidéu
Dicas de Restaurantes em Montevidéu

Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai
Aeroporto de Carrasco – visão do estacionamento

 

Localizado a 20 km do centro de Montevidéu, o aeroporto encontra-se localizado no distrito de Carrasco, município de Ciudad de la Costa, às margens da Ruta 101 e bem no início da rodovia Interbalnearia. Foi inaugurado em 1947 e administrado pelo governo uruguaio até o ano de 2003, quando foi privatizado. A empresa que venceu a concorrência foi a Puerta del Sur S.A, que pertence ao grupo argentino Corporación America, o mesmo que venceu a privatização recente do Aeroporto Internacional de Brasília e também do Aeroporto Internacional de São Gonçalo do Amarante, em Natal/RN.

A nova administração construiu um aeroporto totalmente novo a nível de primeiro mundo, num investimento de 165 milhões de dólares com um projeto moderno do arquiteto uruguaio Rafael Viñoly. O novo Aeroporto de Carrasco foi inaugurado em dezembro de 2009 e o primeiro pouso foi de um voo que teve origem no Brasil. O edifício possui um grande arco, com quase 400 metros de extensão e que atinge 130 metros de altura em seu ponto mais alto. Com design futurista e iluminação noturna especial, é considerado um dos aeroportos mais bonitos do mundo. 

A capacidade atual do aeroporto é de 4,5 milhões de passageiros ao ano. Em 2011, recebeu aproximadamente 2 milhões de passageiros. Dele partem voos ligando Montevidéu ao Brasil (São Paulo, Campinas, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Curitiba, Foz do Iguaçú, Florianópolis e Porto Alegre), além de cidades no Uruguai, Argentina, Chile, Paraguai, Peru, Panamá, Estados Unidos (Miami) e Espanha (Madri).

Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai

Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai

Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai

 

Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai

O meu voo da Pluna chegou no Aeroporto de Carrasco por volta das 18h e já estava anoitecendo (veja o relato do voo no post “Voando com a Pluna para o Uruguai, de Porto Alegre a Montevidéu). O avião parou numa posição remota bem próxima ao terminal e os passageiros tiveram que pegar um ônibus, mas nem era necessário pois a distância percorrida foi muito pequena. Ao sair do ônibus já caímos na sala de imigração e aqueles que estavam em conexão subiram a escada rolante rumo às salas de embarque. Mais de 80% do meu voo era de passageiros em conexão, com destino a outras cidades.

Para entrar no Uruguai é necessário preencher um papel de imigração, que é distribuído no voo e que pode ser impresso já preenchido direto pelo site da companhia aérea Pluna. Só pelo ambiente do setor de imigração já da pra perceber o quanto o aeroporto é bonito e organizado. Com a entrada liberada, logo surge o Duty Free da chegada, sobre o qual falarei no final deste post. Depois da loja estão as esteiras de bagagem, quatro no total. A retirada não teve tumulto e as malas chegaram rapidamente. Antes de sair para o saguão do aeroporto ainda foi preciso passa-las no raio-x da aduana, procedimento obrigatório para todos os passageiros.

Bombardier CRJ900 da Pluna no Aeroporto de Montevidéu - Uruguai
Bombardier CRJ900 da Pluna no Aeroporto de Montevidéu

 

Ônibus para o transporte de passageiros

 

Imigração no Aeroporto de Montevidéu - Uruguai
Imigração

 

Esteiras de bagagem no Aeroporto de Montevideo - Uruguai
Esteiras de bagagem

 

 

Está gostando das dicas?
Compartilhe-as com seus amigos nas redes sociais
utilizando os botões coloridos no canto esquerdo da tela

 

O terminal é dividido em três níveis. O desembarque está no piso térreo. Logo após a aduana, na saída para o saguão principal, estão os guichês das locadoras de veículos e da agência de táxi credenciada pelo aeroporto. Eu já tinha reserva com a Europcar e fiz todo o processo de retirada do veículo ali mesmo. No próximo post vou dar mais detalhes sobre este aluguel.

Há apenas uma companhia de táxi credenciada no aeroporto, a Taxi Aeropuerto, que oferece serviços em táxis privados ou em vans compartilhadas. Um táxi, que comporta até três pessoas, com destino ao bairro Punta Carretas, custa $1000 pesos uruguaios (aproximadamente R$100,00). Para a Ciudad Vieja, o valor é de $1200 pesos (R$120,00). As vans compartilhadas possuem um preço de $200 pesos (R$20,00) por pessoa. Outra opção no deslocamento para a cidade são os ônibus do transporte público, operados pelas companhias C.O.P.S.A, COT S.A, e Cutcsa

No piso de desembarque há ainda uma loja de conveniências, balcão de informações, casas de câmbio, guichê de informações turísticas, caixa eletrônico e uma unidade do McDonald’s e McCafé. É bom evitar ao máximo trocar dinheiro no aeroporto, porque as cotações são péssimas, as piores que eu encontrei no Uruguai. Os valores eram os seguintes: 1 real = 8,76 pesos uruguaios e 1 dólar = 18,27 pesos urugaios. Na cidade encontre preços muito melhores. Se o seu cartão permitir saque em débito direto da conta, compensa sacar pesos uruguaios no caixa eletrônico. Veja mais informações no post Casas de Câmbio em Montevidéu, Punta del Este e Colonia del Sacramento.

Guichês de locadoras no desembarque

 

Caixa eletrônico no desembarque

 

Quem está saindo do aeroporto encontra a mensagem “Mundo, bem-vindo ao Uruguai”. Já quem entra no terminal é recebido com a mensagem “Uruguai, bem-vindo ao mundo”.

Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai

Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai
No primeiro piso do aeroporto estão os balcões de check-in, 44 no total. As companhias possuem vários balcões e a única que tinha fila grande Iberia. Na Pluna e na TAM o movimento estava bem calmo. Neste andar também estão as lojas das companhias aéreas, uma banca de revistas, outra unidade do McCafé, a entrada para as salas de embarque e o balcão para pagamento de taxas. Passageiros internacionais pagam uma taxa de 40 dólares para embarcar no aeroporto, mas ela geralmente já está embutida no valor das passagens aéreas. Quando fiz meu check-in a atendente carimbou meu cartão de embarque, informando que minha taxa já estava incluída.

Check-in da Pluna no Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai
Check-in da Pluna

 

Check-in da TAM no Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai
Check-in da TAM

 

Guichê de pagamento de tarifas

 

O segundo piso do aeroporto é um grande terraço que possui dois jardins com plantas naturais, um restaurante e um grande mirante que permite observar a movimentação das aeronaves no pátio do aeroporto. É a área mais agradável do aeroporto, pouco movimentada e que permite uma visão geral de todo o terminal. Em um dos cantos do terraço há um totem com telas interativas, que mostram informações sobre a história do aeroporto, a construção do terminal novo, além de um mapa do terminal e informações sobre destinos e companhias aéreas.

Terraço do Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai
Terraço

 

Jardim no terraço do Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai
Jardim no terraço

 

Avião no terraço

 

Telas informativas

 

Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai
Saguão principal

 

Mirante do Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai
Mirante no terraço

 

Para entrar nas salas de embarque, é preciso passar pelo raio-x e pela imigração. Logo depois há uma enorme loja do Duty Free, a maior e mais completa da América do Sul, muito melhor que o duty free de São Paulo, Santiago e Buenos Aires. Como cheguei cedo no aeroporto tive bastante tempo para conhecer a loja. Ela é muito grande mesmo! Tem várias mini-lojas dentro, de marcas como Victoria’s Secret, Calvin Klein, Hugo Boss, Nike, Lacoste, Tommy, entre outras. Há uma grande seção de bebidas, com uma boa variedade de vinhos, além de eletrônicos, perfumaria, óculos de sol, relógios, jóias e alimentos.

Os preços do Duty Free no Aeroporto de Montevidéu são mais baixos que os praticados pela loja Dufry nos aeroportos do Brasil, por isso vale a pena fazer compras lá. O pagamento pode ser feito em pesos uruguaios, dólares e até em reais. A cotação do real estava boa, similar à taxa de conversão utilizada pelo banco no cartão de crédito, por isso foi vantajoso comprar em dinheiro para evitar a taxa de 6,38% do IOF no cartão. 
Na chegada também há uma loja muito grande e bonita do Duty Free, basicamente com a mesma disponibilidade de produtos que a loja da saída. Até consegui tirar umas fotos dela, mas depois acabei levando uma bronca do segurança, pois fotos não são permitidas no interior da loja. Pelo menos ele não me fez apaga-las. No duty free da saída eu nem tentei fazer fotos na parte de dentro, apenas tirei uma da saída da loja, quando eu já estava na sala de embarque.

Duty free no Aeroporto de Montevidéu - Uruguai
Duty free da saída

 

Duty free no Aeroporto de Montevidéu - Uruguai
Duty free da chegada

 

Duty free no Aeroporto de Montevidéu - Uruguai
Duty free da chegada

 

A sala de embarque foi a única coisa que eu não gostei no Aeroporto de Carrasco. São oito portões de embarque, sendo quatro de cada lado, com a loja do duty free entre eles. As salas são todas de vidro e permitem ver os aviões na pista, mas com o sol forte, o local ficou muito quente. Além disso, achei o ambiente pequeno e como haviam alguns voos atrasados, acumulou passageiros de vários voos e muitas gente teve que sentar no chão. Só há uma opção de alimentação, um restaurante chamado “Patria”, que serve massas, porções e um sanduíche muito ruim e caro, que custou 240 pesos (R$24,00). Pelo menos a sala de embarque tem internet wi-fi liberada, disponibilizada pela operadora de celular Antel. Para acessa-la, é preciso ativar a rede no dispositivo (celular, tablet ou computador) e depois abrir o navegador para acessar a pagina de login. O nome do usuário é “antel” e a senha “wifi”.

Portão de embarque do Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai
Portão de embarque

 

Ponte de embarque do Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai
Ponte de embarque

 

Ponte de embarque do Aeroporto Internacional de Carrasco - Montevidéu, Uruguai

Para quem vai alugar um carro no aeroporto, uma dica: não vá para o centro pela Avenida Itália, pois esta via é muito movimentada e, para piorar, há vários semáforos demorados ao longo do caminho. Ao invés disso, siga pelas Ramblas, as avenidas litorâneas, que possuem trânsito mais rápido e um visual muito mais bonito (veja as fotos no post “Montevidéu – Parque Rodó e um passeio pelas Ramblas). No mapa abaixo apresento o traçado das duas alternativas.


Visualizar Aeroporto de Montevidéu em um mapa maior

 

Aeroporto de Carrasco - Montevidéu, Uruguai
Aeroporto de Carrasco – Montevidéu, Uruguai (fonte: elero.com)



Quando será que vamos ter um aeroporto tão bonito e moderno quanto esse no Brasil?

Posts Relacionados:
Roteiro de 4 dias em Montevidéu
Onde se hospedar em Montevidéu: dicas de hotéis
Voando com a Pluna para o Uruguai, de Porto Alegre a Montevidéu
Dica de Hotel em Montevidéu: Intercity Premium Montevideo, em Punta Carretas
Casas de Câmbio em Montevidéu, Punta del Este e Colonia del Sacramento
Um dia em Punta del Este

Veja também outros posts sobre aeroportos:
O Aeroporto de Santiago e transfer para o hotel com a Transvip
Voando com a TAM de São Paulo a Santiago do Chile
Voando com a South African Airways de São Paulo a Joanesburgo
A Localização das Companhias Aéreas nos Terminais do Aeroporto de Guarulhos
Conexão longa em Guarulhos: O que fazer para passar o tempo?
Conexão no Aeroporto de Porto Alegre

Faça parte da comunidade “Meus Roteiros de Viagem”
Acompanhe o blog nas redes sociais FacebookTwitter e Google+
Siga o perfil @meusroteirosdeviagem no Instagram
e marque suas fotos com a hashtag #meusroteirosdeviagem

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...