A Turquia é um dos países mais visitados do mundo por turistas e cada vez mais em evidência entre os brasileiros, devido à ampla divulgação do destino na novela “Salve Jorge”. Istambul é a sua maior cidade e também a mais visitada, sendo considerada centro econômico, financeiro e cultural do país. É a única cidade do mundo localizada em dois continentes, já que parte dela encontra-se na Europa e outra parte está localizada no continente asiático.

Istambul foi fundada há mais de 2600 anos e já foi chamada de Bizâncio e Constantinopla. É uma cidade antiga, mas ao mesmo tempo contemporânea, onde muralhas, palácios e mesquitas se misturam com prédios envidraçados, pontes monumentais, restaurantes descolados e uma agitada vida noturna. É essa mistura que faz de Istambul um destino tão interessante e imperdível para quem pensa em visitar a Turquia. Veja a seguir uma sugestão de roteiro de 4 dias na cidade.

Mesquita Azul / Mesquita de Sultanahmet - Istambul, Turquia

Mesquita Azul – Istambul

 

Para chegar em Istambul, é possível pegar um voo direto partindo de São Paulo com a companhia Turkish Airlines ou então fazer conexão em alguma cidade européia com voos de outras companhias. Leia um relato deste voo no post “Como é voar com a Turkish Airlines para Istambul e Dubai” e informações sobre o aeroporto da cidade no post “O Aeroporto de Istambul, Tax Free e Transfer para o Hotel“.

O idioma falado na cidade é o turco e a moeda local é a lira turca. Saiba como obtê-la no post “Casas de Câmbio em Istambul e a moeda Lira Turca“.  Os verões turcos são bem quentes e é nesta época que a cidade recebe a maior quantidade de turistas. O inverno é bem frio e pode até nevar. A melhor época para visita-la é durante o outono ou primavera, quando as temperaturas estão mais amenas e não há tantos turistas quanto no verão. Saiba mais sobre o clima e leia outras informações essenciais para quem deseja visitar o país no post “Turquia: Informações úteis e impressões de Istambul e Capadócia“.

A maior parte das atrações turísticas da cidade estão localizadas no centro histórico de Sultanahmet, local onde muitos turistas preferem ficar hospedados. Outra região bastante procurada é o distrito de Beyoglu, considerado um dos melhores exemplos da Istambul moderna. Veja algumas opções de hospedagem no post “Onde se hospedar em Istambul: dicas de hotéis“. Deslocar-se pela cidade é fácil, pois ela oferece um amplo sistema de transporte público composto de vários modais, como ônibus, tram, metrô, funicular e barcos. Para entender melhor como estes meios funcionam, leia o post “Transporte Público em Istambul e o cartão Istanbulkart“.

O roteiro sugerido a seguir é ideal para quem pretende passar quatro dias em Istambul, tempo suficiente para conhecer com bastante calma as principais atrações turísticas da cidade. Também há uma sugestão de roteiro de 3 dias e opções de passeios para quem vai ficar 5 dias ou mais em Istambul. No final do post há um mapa indicando a localização de todas as atrações sugeridas e também links para os posts com dicas da Capadócia, outro destino imperdível na Turquia.

Basílica de Santa Sofia - Istambul, Turquia

Basílica de Santa Sofia

 

Você já fez o seu seguro de viagem para visitar a Turquia?
Em parceria com Mondial Assistance, o blog oferecer aos leitores do site um desconto de 15% na compra de seguros de viagem. Clique aqui saber como efetuar a compra e pegar o seu código do cupom de desconto.

 

Dia 1

A sugestão para o primeiro dia é um grande passeio pelo distrito histórico de Sultanahmet, a parte mais antiga da cidade e que era o coração da antiga Constantinopla. Lá estão muitos dos principais monumentos e atrações turísticas de Istambul.

A jornada pode começar pela Basílica de Santa Sofia, que já foi a maior igreja do Império Bizantino, depois transformada em Mesquita pelos Otomandos e atualmente é um grande museu e um dos maiores símbolos da Turquia.

Bem próximo à Santa Sofia está a Cisterna da Basílica, que antigamente armazenava a água que abastecia do Grande Palácio e edfícios próximos. O ambiente é sustentado por 336 colunas, sendo as mais famosas aquelas duas que estão apoiadas sobre estátuas da cabeça da Medusa, ambas localizadas nos fundos da cisterna.

Atravessando a praça Sultanahmet chega-se à bela Mesquita Azul, outro símbolo de Istambul. Seu nome original é Mesquita de Sultanahmet, mas ela é popularmente conhecida como Mesquita Azul pois é coberta por mais de 20 mil azulejos azuis. É a única mesquita da cidade com seis minaretes e ainda é muito utilizada pelos muçulmanos para orações. Ao sair da mesquita aproveite para conhecer a praça do Hipódromo, um local que antigamente era o centro da vida política e social de Constantinopla.

Se ainda sobrar tempo e se você tiver interesse, pode conhecer outras atrações de Sultanahmet, como o Museu de Mosaicos do Grande Palácio, o Bazar Arasta, o Museu de Arte Turca e Islâmica, entre outros.

Veja mais detalhes sobre os locais do primeiro dia nos posts:
Istambul: A Basílica de Santa Sofia e a Mesquita Azul
Istambul: As atrações do centro histórico Sultanahmet

Cisternas da Basílica - Istambul, Turquia

Cisternas da Basílica

 

Dia 2

O segundo dia também começa no centro histórico de Sultanahmet, visitando duas grandes atrações que não foram vistas no dia anterior, pois demandam um tempo maior para a visitação.

A primeira delas é o Palácio Topkapi, um imenso e belo palácio que por séculos serviu como residência para os sultões. Atualmente é um grande museu que expõe objetos como louças de porcelana chinesa, jóias do tesouro imperial, vestimentas oficiais, carruagens, armas, entre outros. O Palácio possui três pátios com jardins arborizados e o último deles proporciona uma bela vista panorâmica para o Estreito de Bósforo.

Outra área do Topkapi que pode e deve ser visitada, pagando um ingresso à parte, é o Harém do Palácio,  local que servia como residência para a família imperial, onde o Sultão podia ficar mais à vontade com suas esposas e suas concubinas.

Bem próximo ao Palácio, com acesso por uma rua localizada no primeiro pátio, estão os Museus Arqueológicos de Istambul, um complexo que abriga três diferentes museus que se encontram em edifícios históricos localizados no mesmo terreno: o Museu Arqueológico, o Museu de Antiguidades Orientais e o Museu do Quiosque Esmaltado.

Após visitar o palácio e os museus, almoce pela região (veja algumas opções no post “Dicas de restaurantes em Istambul“) e reserve o resto do dia para se aventurar pelos corredores e lojas do Grande Bazar, um dos maiores e mais antigos mercados cobertos do mundo, com mais de 60 ruas e cerca de 5 mil lojas. Para chegar ao bazar você pode fazer uma caminhada de aproximadamente 15/20 minutos ou pegar o tram na estação Sultanahmet, saltando na estação Beyazit. O Bazar fecha as 19:00h, então quanto mais cedo você chegar, mais tempo terá para explorar sua variedade de produtos e fazer umas comprinhas.

Leia mais informações sobre as atrações do segundo dia nos posts:
Istambul: As atrações do centro histórico Sultanahmet
Istambul: O Grande Bazar e o Bazar de Especiarias

Palácio Topkapi - Istambul, Turquia

Primeiro portão do Palácio Topkapi

Museu Arqueológico de Istambul - Turquia

Interior do Museu Arqueológico de Istambul

Grande Bazar - Istambul, Turquia

Grande Bazar

 

Está gostando do roteiro? 
Compartilhe-o com seus amigos nas redes sociais
utilizando os botões coloridos no canto esquerdo da tela.

 

Dia 3

O terceiro dia começa com um passeio bairro Eminönü, às margens do Corno de Ouro. Para chegar na região, é possível ir a pé, dependendo de onde você estiver hospedado, ou então pegar o tram até a estação que leva o nome do bairro.

Bem próximo à estação do tram e quase em frente à Ponte de Gálata está o Bazar de Especiarias, também conhecido como Bazar Egípcio, outro grande mercado coberto no estilo do Grande Bazar, mas em proporções muito inferiores, já que possui apenas 2 corredores e cerca de 100 lojas. Entre os produtos vendidos, dominam os temperos, condimentos e doces turcos, que deixam o ambiente bem colorido e com um cheiro muito agradável de especiarias. Em frente ao bazar está a Mesquita Nova, uma mesquita pequena, porém muito bonita.

Outra mesquita que pode ser visitada em seguida, acessada por uma rápida caminhada de 10 minutos, é a Mesquita de Süleymaniye, localizada no alto de uma colina e facilmente visível de várias partes da cidade, devido à sua imponência.

Voltando para a parte baixa do bairro, você pode almoçar e visitar a Ponte de Gálata até aproximar-se do horário de fazer um Cruzeiro pelo Bósforo. Há várias empresas que oferecem este serviço, mas uma ótima opção é o Short Bosphorus Cruise oferecido pela companhia Sehir Hatlari, cujo terminal bem próximo à ponte. O passeio inicia-se às 14:30 e tem duração de 2 horas. Acontece todos os dias, exceto no inverno quando ocorre apenas aos finais de semana. É bom chegar com pelo menos meia hora de antecedência para comprar o ingresso e pegar um bom lugar no grande barco.

Ao voltar do passeio você pode atravessar a Ponte de Gálata e subir até a Torre de Gálata para curtir a vista panorâmica de seu mirante, principalmente na hora do por do sol. Outra opção é deixar para visitar a torre na tarde do dia seguinte.

Veja mais detalhes sobre os passeios do terceiro dia nos posts:
Istambul: O Grande Bazar e o Bazar de Especiarias
Istambul: Um passeio de barco pelo Estreito de Bósforo

Temperos no Bazar de Especiarias - Istambul, Turquia

Temperos no Bazar de Especiarias

Barcos em Eminönü e a Mesquita Suleymaniye - Istambul, Turquia

Barcos em Eminönü e a Mesquita Suleymaniye

Estreito de Bósforo - Istambul, Turquia

Estreito de Bósforo

 

Dia 4

O quarto e último dia em Istambul é dedicado às atrações do bairro Beyoglu e também às compras.

A primeira parada do dia é no Palácio de Dolmabahce, um dos edifícios mais belos da cidade, que possui  285 quartos e 43 salas e cuja fachada se estende por 600 metros às margens do Estreito de Bósforo.As visitas são conduzidas por pequenos grupos guiados e iniciam-se às 9:00h, exceto segundas e quintas, dias em que o palácio não abre para visitação. Quanto mais cedo você chegar, menos fila vai encontrar. O palácio encontra-se bem próximo da estação de tram a estação Kabataş, a última da linha T1.

Durante o passeio é possível visitar vários ambientes do palácio, incluindo dormitórios, salas e um incrível salão de festas, tudo com muito luxo e objetos de decoração valiosos. Outro setor que também pode ser visto é o Harém do Palácio, local onde ficavam os apartamentos do sultão, de sua mãe e de suas esposas. O ingresso do Harém é pago à parte, mas é possível combina-lo com ingresso do Palácio para obter desconto.

Voltando à estação Kabataş, pegue o trem funicular para subir até a estação Taksim. É lá que está a Praça Taksim, um importante marco da cidade, que serve como ponto de referência e local de transição entre várias linhas do transporte público, como ônibus, metrôs, funicular e tram.

É na Taksim que incia-se a Avenida Istiklal, um dos melhores exemplos da Istambul moderna. Esta avenida é um grande calçadão, com aproximadamente 1,5 km de extensão, que liga a praça Taksim à praça Tünel. Ao longo da avenida é possível encontrar dezenas de lojas, restaurantes, cafés, casas de câmbio e muitos outros tipos de estabelecimentos. Caminhe pela Istiklal sem pressa e curta todo seu agito, observando a movimentação de turistas e locais neste verdadeiro formigueiro humano. No final dela, próxmo à praça Tünel, está a Torre de Gálata, que pode ser visitada, caso você não tenha ido no dia anterior.

Aproveitar o resto do dia para fazer compras. A Istiklal é um ótimo local, já que possui dezenas de lojas interessantes. Mas se você quiser, também pode voltar para o Grande Bazar ou então visitar um dos vários grandes shopping que a cidade possui. Se não quiser ficar na função de compras, escolha seu lugar favorito da cidade para curtir os últimos momentos em Istambul, como a Ponte de Gálata ou a Praça de Sultanahmet.

Leia mais sobre as atrações do quarto dia nos posts:
Istambul: O Palácio Dolmabahce e o distrito de Beyoglu
Dicas de compras em Istambul: bazares, shoppings e outlets

Palácio Dolmabahce e o Estreito de Bósforo - Istambul, Turquia

Palácio Dolmabahce e o Estreito de Bósforo

Avenida Istiklal - Istambul, Turquia

Avenida Istiklal

Ponte de Gálata - Istambul, Turquia

Ponte de Gálata

 

Onde ir à noite?

Se você quiser passear à noite, um dos locais mais recomendados é a avenida Istiklal. As lojas ficam abertas até tarde, há diversas opções de restaurantes e muitos bares e pubs se transformam em baladinhas que animam as noites da cidade. Outra boa opção são os diversos restaurantes descolados que também transformam-se em baladas, com o Istambul 360 ou o Reina, um dos mais famosos, que fica às margens do Bósforo, com uma bela vista panorâmica para a Ponte do Bósforo. Veja mais detalhes sobre ambos no final do post “Dicas de restaurantes em Istambul“.

 

Roteiro de 3 dias

Se você tiver apenas 3 dias para visitar Istambul, elimine algumas atrações deste roteiro de 4 dias e concentre-se nos locais mais importantes e bonitos da cidade, visitando-os num ritmo mais acelerado.

Dia 1 – Basílica de Santa Sofia, Cisternas da Basília, Mesquita Azul e Grande Bazar.
Dia 2 – Palácio Topkapi, Cruzeiro pelo Bósforo, Bazar de Especiarias.
Dia 3 – Palácio Dolmabahce, avenida Istiklal, Torre de Gálata e Ponte de Gálata.

 

5 dias ou mais

Istambul é uma cidade enorme, com atrações para mais de uma semana. Este roteiro de 4 dias proposto no blog abrange as principais atrações turísticas da cidade, mas você pode complementá-lo com diversas outros passeios, como por exemplo:
visitar o bairro Ortaköy, passear no lado asiático da cidade, fazer um passeio de barco até a Ilha de Leandro, passar um dia nas Ilhas do Princípe, conhecer a igreja São Salvador em Chora (Museu Kariye) e as muralhas da antiga Constantinopla, visitar o Museu de Arte Moderna de Istambul e também o Museu Militar, conhecer a Mesquita Rustem Pasha e outras mesquitas da cidade, entre outras opções.

Por do sol em Istambul - Turquia

Por do sol em Istambul

 

Para finalizar, veja no mapa a localização de todas as atrações do roteiro de 4 dias em Istambul.

 


Visualizar Roteiro de 4 dias em Istambul em um mapa maior

 

Também vai para a Capadócia? Então aproveite as dicas do blog.

– Roteiro de 3 dias na Capadócia – Turquia
– Voo de balão na Capadócia: um passeio imperdível na Turquia
– O que ver na Capadócia: principais atrações turísticas
– Como chegar na Capadócia pelos aeroportos de Nevsehir e Kayseri
– Dica de hotel em Goreme-Capadócia: Ottoman Cave Suites
– Dica de guia turco que fala português na Capadócia
– Onde comer na Capadócia: restaurantes em Goreme e Avanos
– Onde se hospedar na Capadócia-Turquia: dicas de hotéis

 

Vôo de Balão na Capadócia - Turquia

Vôo de Balão na Capadócia

 

Veja o índice completo de posts sobre a Turquia. 

 

Faça parte da comunidade “Meus Roteiros de Viagem”
Acompanhe o blog nas redes sociais FacebookTwitter e Google+
Siga o perfil @meusroteirosdeviagem no Instagram
e marque suas fotos com a hashtag #meusroteirosdeviagem

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...